Secretário diz que Paraíba não tem variante Delta detectada e que transmissão comunitária deverá aumentar número de casos, mas não o de mortes

O secretário de Estado da Saúde, Geraldo Medeiros, disse ao ClickPB, nesta quinta-feira (5), que a Paraíba não tem variante Delta detectada entre infectados. Ele também pontuou que a transmissão comunitária que deve ocorrer no estado trará aumento do número de novos casos de Covid-19, mas não no número de mortes pela doença.

“A Paraíba não tem nenhum caso detectado com sequenciamento genômico da variante Delta”, explicou o secretário de Saúde.

Segundo o médico Geraldo Medeiros, a variante Delta se diferencia das demais mutações do coronavírus na “capacidade de transmissibilidade, que chega a 100% a mais que outras variantes.”

O secretário esclareceu que os vacinados com duas doses poderão ser infectados com a variante Delta, mas apenas com sintomas leves, sem gravidade e sem risco de morte, no geral, assim como acontece como os infectados por outras variantes que já tenham sido vacinados.

Geraldo Medeiros relata que “os meios de prevenção são os mesmos”, como o uso de máscaras e a vacinação.

São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás e Paraná já tem transmissão comunitária da variante Delta.