Connect with us

Brasil

STF julga realização de cultos e missas na pandemia; placar é de 4 a 1 pela proibição

Publicado

on

Anúncio

O Supremo Tribunal Federal (STF) retomou na tarde desta quinta-feira (8) o julgamento sobre a proibição de cerimônias religiosas presenciais durante a pandemia de Covid-19. Acompanhe ao vivo.

O ministro Nunes Marques divergiu de Gilmar Mendes e votou pela liberação de cultos e missas durante a pandemia.

No voto, ministro declarou que há uma “atmosfera de intolerância” que, na sua visão, não permite a defesa do direito individual sem que isso seja taxado de “negacionismo”.

Edson Fachin foi o terceiro ministro a votar pela proibição de cultos e missas na pandemia. Edson Fachin vota agora. Ministro Luís Roberto Barroso vota agora.

62 visualizações

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

MAIS DO Agora Cariri