Em plena pandemia, prefeito caririzeiro decreta aumento de seu próprio salário e da vice

O prefeito do município de Zabelê, Dalyson Neves (PSDB) decretou no último dia 1º de julho, o aumento dos seus próprios vencimentos e também da vice-prefeita Jorsamara de Zé Inaldo (PSDB). O reajuste, que ultrapassa 40%, elevou os salários de R$12.000,00 e R$6.000,00 para R$16,803,50 e R$8.401,75, respectivamente.

Em 2018, Dalyson Neves havia reduzido o seu salário e os dos secretário para enfrentar uma crise financeira que assolava o município, quando chegou a receber R$ 9.600,00 (nove mil e seiscentos reais) sendo o menor salário pago na região do cariri paraibano.

Zabelê tem um PIB de R$ 22.410.852,00 e um IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) de 0,623, segundo a última medição do IBGE, que é de 2010. O IDH vai de 0 a 1 – quanto maior, mais desenvolvida a cidade – e tem como base indicadores de saúde, educação e renda. A média no Brasil é de 0,765, segundo dados de 2019 divulgados em 15 de dezembro de 2020 pelo Programa de Desenvolvimento das Nações Unidas (PNUD).

Confira a íntegra do decreto: DECRETO 16 DE 01 DE JULHO DE 2021 ATUALIZAÇÃO DE SUBSÍDIOS 20210709_13091734

Nas últimas eleições, o prefeito Sebastião Dalyson de Lima Neves, de 34 anos, declarou ao Tribunal Superior Eleitoral um patrimônio de R$ 30.760,00. Já a vice Jorsâmara Bezerra Neves da Silva, de 38 anos, declarou ao TSE não possuir nenhum bem como patrimônio.

De Olho no Cariri

Wscom